Marketing DigitalVoltar

Como usar mídia programática para otimizar as suas campanhas de marketing digital

Na semana passada falamos sobre Mídia Programática. A metodologia, apesar do crescimento, ainda é novidade para muita gente. 

Hoje, vamos mostrar como usar Mídia Programática. Se liga, que são 8 passos essenciais para você caprichar na sua estratégia! 

Calma, calma! Pode até ser muitos passos, mas você vai ver que são várias práticas comuns do Marketing Digital, e que certamente você já tem o costume de utilizar do seu negócio. Trata-se apenas de se adaptar a essa nova realidade.

Tá precisando daquela forcinha poderosa para tracionar seu negócio e acelerar suas vendas? Então, bora marcar uma CONSULTORIA DE MARKETING E VENDAS GRATUITA.

Retomando: o que é Mídia Programática mesmo?

Retomando o que é Mídia Programática mesmo

Antes de contar como usar Mídia Programática, vamos dar uma retomada sobre o que é a metodologia. 

Mas, fica a dica: se quiser entender melhor do assunto, recomendamos fortemente a leitura do artigo da semana passada, hein? Tá bem bacana! 

Basicamente, a Mídia Programática é uma estratégia que usa softwares adequados para automatizar a compra de espaços para anúncios digitais.

Com o uso de plataformas conhecidas como Ad Exchange, os espaços publicitários são vendidos em leilões em tempo real, com o preço baseado no Custo de Mil Impressões (CPM). Isso agiliza a venda, evitando negociações demoradas. E mais: garante uma entrega automatizada dos anúncios, segmentando o público-alvo de forma muito mais eficiente. Ou seja: melhores preços, com uma utilização otimizada, e menos custos. 

E como usar Mídia Programática na minha empresa?

E como usar Mídia Programática na minha empresa

Passando pela parte fácil, agora vamos ao que interessa!

A pergunta de um milhão de dólares: como usar Mídia Programática no seu negócio?

É simples! Não tem segredo, muito menos se parece com física quântica, ou ciência de foguete!

Aqui vão os 8 passos essenciais de como usar Mídia Programática na sua empresa. Se parecer simples, é porque é fácil. De verdade! Mas, sem desespero, porque é SUPER EFICIENTE. E a gente garante isso! 

  1. Defina seus objetivos de marketing: Antes de iniciar qualquer campanha, seja em plano físico ou digital, é essencial ter uma linha guia. Quais são suas metas ao usar a Mídia Programática? Quem você deseja atingir e por quê? Só assim você pode planejar seu conteúdo, e claro, descobrir se está alcançando seus resultados! Alguns dos seus objetivos podem ser: aumentar o reconhecimento da sua marca ou empresa, gerar leads, aumentar as vendas.
  2. Entenda o básico de Mídia Programática: Você não precisa ser nenhum expert. Mas para começar a utilizar uma nova estratégia, ou sistema, é super importante compreender pelo menos um pouquinho dele.
    Portanto, uma dica importantíssima de como usar Mídia Programática na sua empresa, é entender os conceitos básicos. Dedique algum tempo para entender o que é RTB (Real-Time Bidding), segmentação de audiência, DSPs (Demand-Side Platforms) e DMPs (Data Management Platforms). Você pode procurar e estudar um por um, de maneira independente, mas saiba que já existem cursos e tutoriais online disponíveis para te ajudar a compreender cada uma dessas nomenclaturas. Se precisar, a Tracione também te oferece uma consultoria!
  3. Determine seu orçamento: Um passo importantíssimo que muitas vezes é negligenciado: Estabeleça um orçamento adequado para suas campanhas de mídia programática! Toda a estrutura da sua campanha vai depender do quanto você gasta! E detalhe: quando o assunto é Mídia Programática, o valor que você investir SERÁ DE FATO ENTREGUE.  
  4. Identifique sua audiência-alvo: A Mídia Programática faz um ótimo trabalho quando o assunto é entregar para a audiência certa. Por isso, um dos passos infalíveis de como usar Mídia Programática, é fazer uma pesquisa ampla e definir o máximo possível o seu grupo-alvo: características demográficas, interesses, comportamentos de compra. Toda informação, mas TODA INFORMAÇÃO mesmo é relevante. E quanto mais detalhes, mais eficaz será sua campanha, pode ter certeza.
  5. Desenvolva criativos atraentes: O sucesso da sua campanha depende, pelo menos, 50%, na sua capacidade de chamar atenção e despertar o interesse do seu lead. Por isso, desenvolva conteúdos criativos, matadores! Designers e redatores são a chave para um bom trabalho aqui. Só não se esqueça de uma coisinha: otimizar os formatos para a plataforma escolhida, como displays e vídeos, hein?
  6. Mãos à obra: Agora, sim, o passo mais prático de como usar Mídia Programática. É hora de entrar em um leilão, comprar o seu tempo, configurar as campanhas, e o mais importante: as segmentações. Testar diferentes estratégias e criativos também é uma ótima ideia para ter os melhores resultados possíveis. Esse passo é essencial, mas ele não é nada, sem o próximo! Preste bem atenção, hein?
  7. Fique de olho: Acompanhar os resultados é o segredo para garantir que sua campanha de Mídia Programática vai dar certo. Ah! E sai muito na frente quem utiliza as métricas disponíveis para avaliar o desempenho e analisa os dados de forma a identificar insights e oportunidades. E claro, não deixe de ajustar tudo de acordo com suas conclusões. Afinal de contas, nada adianta observar se você não usar o que analisou com inteligência.
  8. Cresça junto com as suas campanhas: Essa estratégia de mídia ainda é um sistema novo e em constante transformação e crescimento. Portanto, se você quer descobrir como usar Mídia Programática da melhor forma e surfar na onda dessa tendência, atualize sobre novidades e inovações. Garantimos: isso só vai melhorar os seus resultados! Uma boa forma de se manter atualizado é acompanhando blogs, como o do Tracione, participando de conferências e workshops, e seguindo influenciadores.

 Conclusão

Não tem segredo!

Se você seguir esses 8 passos de como usar Mídia Programática na sua empresa, suas campanhas tem uma chance ENORME de atingirem os resultados que você  tanto deseja: captar uma variedade de leads! 

E você ainda vai poder aproveitar de facilidades como as quatro que citamos no artigo anterior. 

Vale lembrar também que aprender uma nova estratégia, como usar Mídia Programática, requer tempo e experiência para obter os melhores resultados. Então, muita calma nessa hora: não vá achando que vai alcançar milhões de pessoas logo nos primeiros dias ou usos. Portanto, constância, análise de métrica e atualização sempre! 

Vale a pena considerar a orientação de experts na área, principalmente para “botar a engrenagem para rodar”. E claro, nós aqui da Tracione, podemos te dar essa forcinha, é só entrar em contato!

Mas se já está se você já sente confiança com algumas das dicas que pegou aqui, coloque a mão na massa! Afinal, não tem jeito melhor de aprender do que tentar.